José Serra, a história e realizações o faz o candidato mais preparado e competente a Presidência da República

Julia Duailibi e Christiane Samarco - O Estado de S.Paulo
O "candidato do conflito", que conquistou o direito de disputar a Presidência e fazer a sua nona campanha eleitoral, ficou nas urnas de 2002. O José Serra de 2010 é outro: em vez de trabalhar no confronto para fazer maioria, e dar a largada em meio a um racha partidário, ele quebrou o isolamento político, aprendeu a fisgar aliados e firmou-se como candidato natural da oposição.

Da derrota de 2002 para cá, São Paulo foi para Serra - com as passagens pela prefeitura da cidade e o governo do Estado - o laboratório da articulação política. Ao juntar PSDB, DEM, PMDB, PTB e PPS, ele encontrou a fórmula para não permitir que outro tucano de Minas, com fama de "político agregador", furasse a fila do PSDB e lhe tomasse a preferência na corrida presidencial.

O ex-governador Aécio Neves bem que tentou virar pré-candidato. Por um tempo, o mineiro se convenceu de que, independentemente da posição na fila, sua melhor hora era agora. Serra bateu o pé, exibiu resiliência e, escudado num cacife médio de 35% de intenções de voto, foi criando o consenso de que desta vez, mais do que em 2002, a hora é dele. Convenceu a ele mesmo de que há espaço para disputar votos porque "Dilma não é Lula" e "o eleitor olhará mais para o futuro do que para o passado."

A esperança do tucanato de Minas era que voltasse à cena o "Serra brigão" de 2002, que se lançou rompido com concorrentes como o ex-ministro da Educação Paulo Renato e o hoje senador Tasso Jereissati (CE). O então PFL, sempre aliado da gestão de Fernando Henrique Cardoso (1995-2002), também se dividiu oito anos atrás e ficou entre Serra, Ciro e o próprio Lula.

As últimas esperanças nas hostes mineiras de Aécio passaram pela ideia de que Serra, diante da popularidade de Lula - mais de 80% de aprovação - e de um relacionamento sempre tenso com Geraldo Alckmin, poderia optar pela reeleição fácil ao governo do Estado. Ao montar a arquitetura da eleição para a prefeitura de São Paulo, em 2004, e, depois, na disputa ao governo do Estado, em 2006, Serra deu um cavalo de pau no jeito de se relacionar com os aliados.

Para deixar o governo do Estado sem sobressaltos, Serra escolheu a dedo o seu vice, Alberto Goldman, um político que lhe garante lealdade absoluta. Mais do que uma campanha tranquila, a chapa puro-sangue para governador foi uma das vitórias que reforçaram o primeiro lugar na fila dos candidatos do PSDB: Serra é o único governador de São Paulo eleito em primeiro turno na história política do Estado. Isso, depois de ter vencido o PT de Marta Suplicy na briga pela prefeitura da capital.

Dois anos mais tarde, o apoio ao projeto vitorioso de reeleição de seu vice na prefeitura paulistana acabou lhe valendo a consolidação da candidatura entre parceiros do DEM, do PTB e dissidentes do PMDB. Depois de engolir o vice imposto pelo DEM, ele assimilou o companheiro de chapa de um jeito que Gilberto Kassab se tornou um dos principais articuladores de sua marcha rumo ao Palácio do Planalto.

Feita a parceria com Kassab, veio o primeiro grande lance do "novo Serra": ele levou o até então desafeto Geraldo Alckmin para seu campo. Sem espaço político depois da derrota para o DEM na prefeitura, Alckmin foi convidado por Serra para ser seu secretário de Desenvolvimento. Com a jogada, impediu que o ex-governador consumasse o flerte com Aécio Neves e migrasse para o projeto presidencial do concorrente.
O ato uniu a cozinha de Serra: o PSDB paulista fechou com ele, em peso, no projeto presidencial. Também tratou de se aproximar de Tasso Jereissati e trouxe Paulo Renato Souza para o governo paulista - o ex-ministro de Fernando Henrique Cardoso passou a dirigir a Secretaria de Educação paulista.

No governo do Estado, também fortaleceu o jogo com a rede de prefeitos, aumentando os convênios com os governos municipais. Pela atuação do outro grande aliado, o secretário-chefe da Casa Civil, Aloysio Nunes Ferreira, o Estado repassou verbas para prefeitos de partidos de oposição, o que lhe valeu a simpatia de boa parte da classe política. A missão dada a Aloysio teve outra serventia, a de mostrar que ele não é centralizador. Ao deixar o governo, duas semanas atrás, Serra fez questão de dizer que é "um monitor, mas não um centralizador".

Palanques. Embora tenha deixado claro que o governo de São Paulo estava em primeiro lugar, exercendo o cargo até o último dia do prazo legal, Serra não descuidou de outras praças, Brasil afora, sempre mirando a campanha presidencial. Ao mesmo tempo em que se dizia dotado de "nervos de aço" para resistir à pressão dos aliados que queriam antecipar o lançamento da candidatura, ele passou a articular pessoalmente os palanques regionais.

Convocou líderes tucanos e de outros partidos para montar alianças estaduais e arrumar a casa. Evitou, assim, o fantasma de 2006, quando a campanha presidencial de Alckmin naufragou, em grande parte, pela ausência de palanques e com aliados se engalfinhando em disputas regionais. Foi Serra quem articulou, por exemplo, o apoio à candidatura de Paulo Souto (DEM) ao governo baiano.

Desde o ano passado, Serra também trabalhou para ampliar sua inserção em redutos tipicamente lulistas, especialmente no Nordeste, onde é conhecido pela boa gestão à frente do Ministério da Saúde. Além de uma série de viagens à região, Serra fez duas rodadas de entrevistas em rádios com alcance popular.

Popular. De olho no público de baixa renda, Serra também investiu na comunicação popular. Participou de todos os principais programas de auditório da TV brasileira, como os de Hebe Camargo, Luciana Gimenez, Ratinho e José Luiz Datena, para quem, surpreendentemente acabou anunciando a intenção de concorrer ao Planalto.

Durante seu governo, Serra foi pragmático na relação com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e, consequentemente, com Dilma Rousseff. Protegeu o Estado de suas pretensões eleitorais, ao mesmo tempo em que amarrou uma operação de venda do banco estadual ao Banco do Brasil, o que lhe valeu mais R$ 5 bilhões para investir pesado na infra estrutura. Outro exemplo de parceria bem-sucedida com o governo federal é o Rodoanel, em que a União entrou com um quarto dos R$ 6 bilhões investidos.

Autor: Julia Duailibi e Christiane Samarco - Fonte:  O Estado de S.Paulo

20 comentários:

Dora disse...

O que nós do PGPE, podemos contar com o novo Presidente, vai continuar a mesma coisa ou vai melhorar, pois estamos a 16 anos sem aumento.

Pedro Câmara disse...

O Presidente Lula emociona-se e afirma que vai entregar outro país; com um empresariado mais rico, com gente menos pobre, com trabalhadores ganhando mais; e com a democracia consolidada. Eu quero dizer ao presidente que eu me emociono e fico triste ao saber que nossa juventude esta consumindo drogas, que o país é dominado pelo tráfico, e a prostituição infantil transformou-se em tragédia social; eu quero dizer ao presidente que a violência é assustadora!O presidente esqueceu-se que nunca na história desse país houve tanta corrupção, tantos mensalões, tantos escândalos,e que a censura a liberdade de expressão e o voto são decido nos tribunais. O presidente esqueceu que a impunidade é segura quando a cumplicidade é geral. O outro país de Lula, Sarney, Renan, Collor é desigual?

Pedro Câmara disse...

O Presidente Lula emociona-se e afirma que vai entregar outro país; com um empresariado mais rico, com gente menos pobre, com trabalhadores ganhando mais; e com a democracia consolidada. Eu quero dizer ao presidente que eu me emociono e fico triste ao saber que nossa juventude esta consumindo drogas, que o país é dominado pelo tráfico, e a prostituição infantil transformou-se em tragédia social; eu quero dizer ao presidente que a violência é assustadora!O presidente esqueceu-se que nunca na história desse país houve tanta corrupção, tantos mensalões, tantos escândalos,e que a censura a liberdade de expressão e o voto são decido nos tribunais. O presidente esqueceu que a impunidade é segura quando a cumplicidade é geral. O outro país de Lula, Sarney, Renan, Collor é desigual?

kombiseta.com.br disse...

Divulgue:
http://www.youtube.com/watch?v=s_lzA_bSmDk

Comentário real de quem acredita em Serra.
O Brasil pode mais com a mobilização de todos os de bem.

Helio disse...

Na propaganda da Dilma eles falam de um passado como glorioso,.ninguem vai falar nada desta senhora ordinária,se ela ganhar as eleiçoes ela não pode ir discursar na ONU ela é foragida nos Estados Unidos e mais onze paises,ninguem vai divulgar isso?
a vida de gurrilheira dela?

aaanl disse...

Prezados,

A informação que tive, foi que Verônica Dantas é "credit card holder" de Verônica Serra (o que significa: Verônica Serra gasta, Verônica Dantas paga os gastos, como Edemar Cid Ferreira fazia para Roseana Sarney: banqueiro).

É ridículo querer atribuir à Campanha de Dilma quebra do sigilo de Verônica Serra, todo dinheiro ao qual a família Serra tem acesso não está declarado. Dantas poderia informar seu paradeiro...

Tem mais uma coisinha sobre Verônica Serra: as fotos. Ah as fotos!!! Explico: ela pousou em NY, drogada, fotos nojentas, indecentes, parece uma prostituta (sem desrespeito à categoria profissional). Quem fotografou: Carlos Emílio de Sá e Silva, amigo de Verônica Serra na época. Eu vi as fotos, são deprimentes. Não as divulgarei.

A campanha de Dilma tem ética em não divulgar. Mas sobre a filha de Lula fora do casamento, na época Folha-Veja-PSDB não deixaram de esculachar com o Lula. Não têm a menor ética...

Acho bom já falar das fotos do Carlos Emílio aqui, para que todos saibam, e depois não venham Folha-Veja-PSDB, em desespero de causa, falar que foi jogo sujo dos amigos da Dilma ou do PT.

Sds,
Caravaggio

Paulo disse...

Senhores
Se eu fosse Jose Serra, levaria a poublico o IR de minha filha , e pederia em publico que Sr. Presidente fizese o mesmo com de seu filho e a Sr Dilma com seu curriculon de exilio,
Acredito que para uma campanha politica onde galga-se o destino de um povo o Sr Jose serra esta muito manso com as denuncias e apatico a campanha.
Paulo Rodolfo Herz
Curitiba - Pr.

Maria Ines disse...

INSS Cadê o dinheiro dos aposentados e pensionistas?

GOVERNO FAZ CARIDADE
COM O CHAPÉU ALHEIO

APLICA O FATOR CRIADO PARA EQUILIBRAR
AS RECEITAS E DESPESAS DA PREVIDÊNCIA SOCIAL,
CORRÓI OS SALÁRIOS DOS TRABALHADORES
E CONSUME OS ESCASSOS PROVENTOS DA APOSENTADORIA
UTILIZA O DINHEIRO DOS APOSENTADOS E PENSIONISTAS
EM SUAS OBRAS DEMAGÓGICAS...

ORA, O FATOR PREVIDENCIÁRIO OBJETIVAVA
REDUZIR O SALDO NEGATIVO DAS CONTAS PÚBLICAS.
LOGO, EQUILIBRADAS TAIS RECEITAS E DESPESAS,
ESTE MECANISMO NOCIVO DEVERIA SER PRONTAMENTE EXTINTO,
O QUE, NO INTERESSE DO GOVERNO, NÃO ACONTECEU,
O QUAL PERSISTE EM UTILIZAR
O DINHEIRO DOS APOSENTADOS E PENSIONISTAS
E DE TODOS OS TRABALHADORES EM ATIVIDADE
NAS SUAS “OBRAS SOCIAIS”
CUSTEADAS PELOS OPERÁRIOS,
APOSENTADOS, PENSIONISTAS, ETC

ENFIM, O GOVERNO TOMA AS RECEITAS DO INSS,
DIZ QUE TEM “ROMBO” NA PREVIDÊNCIA SOCIAL
PEGA OS PROVENTOS E PENSÕES DOS OPERÁRIOS
E APLICA EM “OBRAS SOCIAIS” COM FINS ELEITOREIROS,
ENFIM, FAZ CARIDADE COM O CHAPÉU ALHEIO...

ALÉM DISSO, PERDOOU DÍVIDAS DE ALGUNS PAÍSES,
ENVIOU DINHEIRO A TÍTULO DE DOAÇÃO PARA OUTROS,
ALÉM DE EMPRESTAR GRANDE SOMA PARA O FMI,
ESQUECENDO-SE, NO ENTANTO,
QUE NO BRASIL TAMBÉM TEMOS MISERÁVEIS
QUE PRECISAM DE BONS HOSPITAIS, DE ESCOLAS DECENTES,
ENFIM, DE UM LUGAR DIGNO PRA VIVER
E QUE COM ESSE DINHEIRO "DOADO" OU “EMPRESTADO”
PODERIA, PELO MENOS, DIMINUIR O CAOS
EM QUE SE ENCONTRAM SAÚDE E EDUCAÇÃO
TRANSPORTE E SEGURANÇA NO BRASIL


djairazeredo@hotmail.com

evanilde.mmm disse...

Sr. José Serra, por favor, faça a sua campanha para o 2º Turno, conquistando os eleitores que não foram as urnas no 1º Turno, o Povo Brasileiro está discrente de política, lembre o povo da época da Inflação altíssima,os jovens não sabem, mas o povo lembra, então mostre que foram vocês que melhoraram esse País e não essa porcaria de PT( Partido de Tranqueiras) puxe na memória do povo todas as benfeitorias feitas com o país sem inflação.
Por favor, mude os pensamentos até dos que não votaram para o Sr. Venceremos no 2º Turno com certeza, conquiste o povo em massa.Só vai precisar usar sua Inteligência a seu favor, e Inteligente o Sr. é, prove que seu Diploma não é só um pedaço de papel, só os lutadores vencem e que um semi-analfabeto não existe ou é ou não é alfabetizado, não existe meio termo, então O Lula só pode ser um analfabeto um Tiririca de Terno, e um palahaço muito sem graça.

josé do Rego disse...

Meu presidente JOSÉ SERRA!... Estou muito feliz com sua ida para o 2º turno, isso prova que LULA e sua turma são mentirosos. Enfim quero dar meu depoimento; Sou ERROL FLYNN, (nome do grande ator e astro, citado em seu programa) tenho 64 anos e sou da RAPOSA-MA na grande ilha de São Luis, um brasileiro que torce por você. Quero dizer que desde a criação dos GENÉRICOS tenho gozado desse beneficio e como prova estou abaixo passando uma fotocópia de medicamentos por mim comprados, cuja economia foi de R$: 85,00 (oitenta e cinco reais). A população brasileira composta de quase 200 milhões de pessoas compra, entre idosos, deficientes, ricos e pobres, REMÉDIOS GENÉRICOS e economiza por ano muitos milhões de reais. Voto em você por que é competente preparado e tem luz própria, tem compromisso com a verdade e distribui benefícios a todos, sem distinção de raça, de cor, de religião, de rico, de pobre ou de opção sexual. Vá em frente, siga seu projeto e a grande maioria de brasileiros conscientes lhe dará a vitória. por ser patriota, por amor ao BRASIL você será o PRESIDENTE DO BRASIL!

samir de santi disse...

Enquanto suturava um ferimento na mão de um velho gari (cortada por um caco de vidro indevidamente jogado no lixo), o médico e o paciente começaram a conversar sobre o país, o governo e fatalmente, sobre Lula e sobre a Dilma. O velhinho disse:
- Bom, o senhor sabe, a Dilma é como uma tartaruga em cima do poste.
Sem saber o que o gari quis dizer, o médico perguntou o que significava uma tartaruga num poste.
E o gari respondeu:
- É quando o senhor vai indo por uma estradinha e vê um poste. Lá em cima tem uma tartaruga tentando se equilibrar. Isso é uma tartaruga em um poste.
Diante da cara de bobo do médico, o velho acrescentou:
- Você não entende como ela chegou lá; Você não acredita que ela esteja lá; Você sabe que ela não subiu lá sozinha; Você sabe que ela não deveria nem poderia estar lá; Você sabe que ela não vai fazer absolutamente nada enquanto estiver lá; Você não entende porque a colocaram lá; Então, tudo o que temos a fazer é ajudá-la a descer de lá, e providenciar para que nunca mais suba, pois lá em cima definitivamente não é o seu lugar!
Pensem nisto!

Rafaela disse...

A PREPARAÇÃO PARA QUALQUER EMPREGO É SEMPRE COBRADA PELO BOM EMPRESÁRIO, PELO EMPREGADOR. COMO A POPULAÇÃO PODE A ESTA ALTURA, EM 2010, COM A EXPERIÊNCIA QUE OS ESCLARECIDOS JÁ ADQUIRIRAM A RESPEITO DA POLÍTICA SE PERMITIREM A VOTAR EM UMA CANDIDATA DESPREPARADA E PIOR ESTÁ CIRCULANDO A FICHA DESTA "CANDIDATA" COMO GUERRILHEIRA E ASSALTANTE PELA INSTALAÇÃO DE UM GOVERNO COMO CUBA NA ÉPOCA PRÉ GOLPE MILITAR, ENVOLVIDA COM CRIMES E ASSASSINATOS AOS SOLDADOS,GENERAIS E CIVIS QUE LUTAVAM PELOS DIREITOS HUMANOS À INDIVIDUALIDADE POIS DIREITO HUMANO EM SEU PRINCÍPIO COMEÇA EM EDUCAR E EDUCAR É TRATAR DE MANEIRA DESIGUAL OS DIFERENTES, AÍ CONSTA TAMBÉM O PRINCÍPIO DA DEMOCRACIA E DA JUSTIÇA EM CONSONÂNCIA COM O CRISTIANISMO.

Carlos disse...

Mônica Serra e a questão do aborto

http://oglobo.globo.com/pais/noblat/posts/2010/10/16/monica-serra-contou-ter-feito-aborto-diz-ex-aluna-333126.asp

http://br.noticias.yahoo.com/s/16102010/48/manchetes-ex-aluna-diz-monica-serra.html

http://noticias.terra.com.br/eleicoes/2010/noticias/0,,OI4738103-EI15311,00-O+que+Sheila+Ribeiro+escreveu+em+seu+Facebook.html

http://www1.folha.uol.com.br/fsp/poder/po1610201011.htm

http://noticias.r7.com/eleicoes-2010/noticias/mulher-de-serra-disse-que-fez-aborto-afirmam-ex-alunas-20101016.html

isabela disse...

E voce Serra 45!! Voce já ganhou!!
Sabia Serra da até raiva de ver o programa da dilma.De ela falar mal de voce. 45

Miriam disse...

Os petistas estão repassando um
e-mail titulado "comparação Lula-Dilma/Serra-FHC", no qual é enviado em anexo o programa "lula_fhc_dilma_serra.pps"
Se ainda não o conhece, gentileza procurar conhecê-lo para desmentir muitas afirmações que constam nele, pois estou observando que várias pessoas que votaram na Marina ou tornaram seu voto nulo estão se sensibilizando e querendo votar na Dilma. Obrigada! Miriam (Uberaba-MG)

Neto disse...

Sou baiano,sou nordestino mas, não sou burro.O melhor presidente para o país é JOSÉ SERRA 45. Dilma é uma ilusão de Lula,brasileiro que se respeita não vota em uma candidata que não term nenhum curriculum político.
Neto de Jaú Muritiba /ba

TODA VERDADE DE DEUS disse...

Eu não entendo porque o Serra ver a Dilma o atacar sem ele merecer e não faz nada.
Quem tem telhado de vidro não joga pedra em ninguém.
Ela fala muito mal de vc, e joga pedra no Paulo no preto o tempo todo e esquece do passado dela em S. Paulo e no Rio.
Serra peça o ministério público de s. paulo p/ mostrar à ficha dela p/ o povo.
Eu com certeza sei que o povo que vai votar nela não conhece nem um pouco do passado tão negro quanto o dela.
Então Serra, mostra tudo para o povo saber quem realmente é essa pessoa.
No último debate que talvez terá na globo, reaja Serra, abra a boca mostra tudo e não esconda nada sobre o passado da D.Dilma.
Boa Sorte p/ voce.

TODA VERDADE DE DEUS disse...

Eu não entendo porque o Serra ver a Dilma o atacar sem ele merecer e não faz nada.
Quem tem telhado de vidro não joga pedra em ninguém.
Ela fala muito mal de vc, e joga pedra no Paulo no preto o tempo todo e esquece do passado dela em S. Paulo e no Rio.
Serra peça o ministério público de s. paulo p/ mostrar à ficha dela p/ o povo.
Eu com certeza sei que o povo que vai votar nela não conhece nem um pouco do passado tão negro quanto o dela.
Então Serra, mostra tudo para o povo saber quem realmente é essa pessoa.
No último debate que talvez terá na globo, reaja Serra, abra a boca mostra tudo e não esconda nada sobre o passado da D.Dilma.
Boa Sorte p/ voce.

Swamy disse...

Serra presidente?? KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Swamy disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

© 2008 Por *Templates para Você*